quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Por que o Ocidente não questiona a ditadura de Mubarak no Egito?


Há quase trinta anos no poder, o ditador egípcio Hosni Mubarak está tentando colocar o filho para ser seu substituto nas próximas eleições. O Egito é um aliado dos EUA de grande peso naquela região. Tem franco diálogo com Israel e faz vista grossa sobre o genocídio que acontece na Faixa de Gaza. Os críticos do processo já chamam a ditadura, ou longo período de governo do país, de "sham-ocracy" ou "vergonha-cracia". Esta semana eu proponho uma pergunta: a grande mídia  enche nossa cabeça contra Cuba, Coréia do Norte e Venezuela porque eles incomodam aos EUA, mas a quem incomoda o Egito? A entrevista feita por Riz Khan (da Rede Aljazeera) está em inglês.



Quem se incomoda com a ditadura no Egito?

Um comentário:

Anônimo disse...

EXCELENTE PERGUNTA.Creio que ja sabemos a resposta.